Pesquisa sobre os impactos cognitivos da preocupação com a seca e sobre o papel do programa Garantia-Safra

Objetivos:

Entender os impactos da seca sobre a psicologia de agricultores familiares do semi-árido brasileiro para apoiar o desenho de políticas capazes de atender suas necessidades, e avaliação de impacto do Programa Garantia-Safra.

Destaque:

Os resultados foram compartilhados com a SDA/CE, o MDA e o Banco Mundial, e deve potencializar ações de redesenho do programa de seguro ao longo dos próximos anos.

Parâmetros:

  • Cadastramento: Face-a-face, com apoio de material produzido pela MGov, através dos extensionistas da EMATERCE baseados nos escritórios locais;
  • Público-alvo:4.000 agricultores familiares, distribuídos nos 47 municípios mais secos do Estado do Ceará;
  • Fraseologia:162 perguntas, repetidas em 4 rodadas entre março e junho, sobre o impacto da seca sobre decisões produtivas, incluindo testes de atenção, memória e controle de impulsividade;
  • Incentivos: Até R$ 10 por mês em crédito no celular pré-pago àqueles que respondessem as ligações até o final.

Soluções MGov:

  • Chamadas automáticas de voz;
  • Adaptação de testes cognitivos para o celular;
  • Informações climáticas e preços médios enviados por SMS.

Resultados principais:

  • Impactos: Preocupação com a seca prejudica atenção, memória e controle de impulsividade do produtor;
  • Garantia-Safra: Seguro não alivia preocupação nem seus efeitos cognitivos;
  • Os resultados foram compartilhados com a SDA/CE, o MDA e o Banco Mundial, e deve potencializar ações de redesenho do programa de seguro ao longo dos próximos dois anos.
 
Português